O que avaliar antes de comprar um imóvel na planta

Antes de comprar um imóvel na planta, você precisa ter alguns cuidados, investidor. A princípio, estamos falando de um excelente negócio, capaz de trazer lucro significativo. Mas você também vai correr riscos e precisa evitá-los.

O artigo de hoje é justamente para auxiliar o seu perfil investidor a fugir dos riscos e acertar na compra de imóveis na planta. Afinal, nenhum momento é bom para perder dinheiro, menos ainda quando a expectativa é ganhá-lo.

Abaixo, os problemas mais comuns de quem compra um imóvel na planta:

  • Atrasos na entrega;
  • Problemas no acabamento;
  • Áreas menores do que o prometido;
  • Negociações com construtoras que estão falindo.

 

Quer fugir do risco ao comprar um imóvel na planta? Siga a leitura e conheça os aspectos fundamentais de uma negociação segura. Confira!

 

Como comprar imóvel na planta

 

Capacidade de financiamento

Uma das vantagens de comprar um imóvel na planta é que você pode ganhar dinheiro. A diferença de preço pode chegar a 30% em relação aos imóveis prontos.

Mas, para que a ideia de fazer um investimento seja viável, você vai precisar absorver uma nova despesa no orçamento. Outro ponto importante é que o retorno virá no médio ou no longo prazo, pois a obra precisa ser concluída. Depois, você terá que negociar o imóvel adquirido.

Por tudo isso, antes de comprar um imóvel, analise o conforto da sua situação financeira. Você tem tudo organizado e plena consciência do seu orçamento mensal? Se a resposta é sim, vá em frente.

Se vai financiar o imóvel, por exemplo, antes de assinar qualquer contrato com uma construtora, analise com mais cuidado a sua capacidade de financiamento. Reflita, também, se existe algum risco em relação à sua renda nos próximos dois ou três anos.

 

Pesquise sobre a construtora 

A credibilidade da construtora é determinante para quem pretende comprar um imóvel na planta. Algumas pessoas enxergam o apartamento dos sonhos quando são apresentadas ao projeto, mas se decepcionam na entrega.

Já ouviu falar na história da construtora Encol? Pois bem, ela foi considerada uma das mais fortes do país, mas faliu em 1999.

Resultado: deixou clientes e funcionários na mão, obras inacabadas no país e prejuízo financeiro a pessoas que buscavam mudar de casa ou simplesmente investir.

Analise com muita atenção o histórico da construtora. Pesquise sobre obras que foram entregues e busque por depoimentos e avaliações de alguns clientes para entender o nível de satisfação de quem comprou imóveis com a empresa.

Um caminho é buscar informações nos órgãos de defesa do consumidor e verificar a existência de processos judiciais em andamento contra a empresa.

Outra noção importante é o volume de canteiros de obra da construtora no momento. Não é a quantidade que vai determinar a solidez. Algumas tocam tantos projetos em paralelo que se perdem no caminho. Observe o ritmo das entregas e se estão no prazo prometido.

 

Comparativos

Você pode ganhar um bom dinheiro ao comprar imóvel na planta, mas vai cometer um erro se fechar negócio na primeira oportunidade que receber.

Quando tiver duas ou três opções de imóveis, reúna o maior volume possível de documentos sobre eles para analisar. O ideal é levar os papéis para casa e ler com calma.

Compare, também, quanto vale o m² dos imóveis localizados nas redondezas dos apartamentos que chamaram sua atenção. Além disso, compare o que tem de comércio no entorno da localização deles. Todos esses aspectos vão mostrar o potencial de cada projeto.

 

Maquete

A maquete de um empreendimento é mais do que um jeito legal de mostrar o projeto. É mais do que uma simples decoração na central de vendas.

Você, como bom investidor, deve voltar a atenção para a maquete, tentar imaginar o desenho em suas proporções e assim avaliar o potencial dos projetos que estão chamando sua atenção.

Observe cada item e pergunte se todos os detalhes correspondem ao futuro empreendimento. Quando for escolher o apartamento, as coordenadas da maquete podem ser um excelente guia, caso sejam fiéis, é claro.

 

Documentação do empreendimento

Alguns documentos e informações do empreendimento que você pretende comprar, se conferidos, podem trazer mais segurança para a negociação. Na Prefeitura da sua cidade, por exemplo, é possível verificar se o local onde o imóvel será erguido está regular ou irregular.

O empreendimento deve constar no registro de imóveis do município. Pergunte sobre o memorial descritivo do projeto. Entre os documentos, você encontrará:

 

  • Descrição do acabamento;
  • Material utilizado na construção;
  • Cálculo exato da área do imóvel;
  • Prova da propriedade do terreno;
  • Projeto de construção aprovado pela Prefeitura.

 

O contrato firmado com a construtora é outro documento importante. Leia com atenção, informe-se sobre as taxas, prazos e pagamentos estabelecidos. A ajuda de um advogado pode ser fundamental nessa etapa.

 

Olhar de investidor

Ao comprar um imóvel na planta, com foco em futura negociação, você precisa ter olhar de investidor. Ou seja, seu ideal particular de um imóvel tem menos importância. Da maquete, deve sair um empreendimento capaz de atender um público mais amplo.

Priorize os projetos que estão em ótima localização. Principalmente aqueles em cidades não tão próximas dos grandes centros urbanos, que propiciam mais contato com a natureza. 

O importante, nesse tipo de compra, é colocar na balança a necessidade do momento no senso comum mesmo: segurança, condomínios completos, estrutura suficiente para fazer home office, serviços essenciais perto de casa e por aí vai.

Lembre-se: o imóvel não será seu e quanto mais clientes potenciais tiver no futuro, mais compradores terá para negociar o imóvel.

 

Andamento da obra

Depois de fechar negócio, assinar seu contrato e saber que tudo está nos conformes, você tem mais uma tarefinha. É hora de acompanhar, com certa regularidade, o andamento da obra.

Tente contato com o mestre de obras, para saber se os trabalhos ocorrem dentro do previsto. Os materiais estão chegando? São de qualidade? Os pedreiros e serventes estão com pagamentos em dia? O trabalho visivelmente avança?

Se a resposta for sim para todos esses pontos, é sinal de que a obra segue segura e seu investimento foi certeiro. Se algo estiver em desacordo, monitore a busca por solução para reduzir as chances de risco ao comprar um imóvel na planta.

Gostou da leitura? Continue navegando pelo nosso blog. Temos diversos conteúdos relevantes para você acertar em cheio ao investir em imóveis.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *